-

Felipão celebra retorno ao clube após 6 anos: ‘Feliz por voltar para minha casa’


Luiz Felipe Scolari está de volta ao Palmeiras. Segundo treinador da história que mais vezes comandou o clube, com 408 jogos, o comandante foi apresentado oficialmente nesta sexta-feira (03), na Academia de Futebol. Sorridente e bastante esperançoso, Felipão comentou sobre a oportunidade de retornar à equipe pela qual conquistou cinco títulos e agradeceu a confiança da diretoria palestrina.

“É com alegria e satisfação que eu volto para o Palmeiras. Volto motivado e convicto de que podemos ter uma grande equipe e conquistar mais do que já foi conquistado pelo Palmeiras”, afirmou. “Fiquei assustado (quando soube da proposta). Mas depois, pensando e convicto, vi a possibilidade de voltar ao Palmeiras, uma equipe que tenho identificação. Tenho identidade com o Palmeiras e com a torcida. Estou muito feliz por voltar para a minha casa”, completou o técnico, detalhando o primeiro contato com o diretor de futebol Alexandre Mattos.

“Eu estava em Portugal e era madrugada quando o Alexandre conversou comigo. Eu fiquei um pouco assustado porque o telefone tocou de madrugada e eu estava dormindo. Depois que eu atendi, eu me dei conta durante a conversa. Vi aí a possibilidade de voltar, mas, como não imaginava esta situação, voltei para a cama e não dormi mais. Não foi difícil ficar acordado e conversar com a família. Nós tínhamos um planejamento diferente”, contou.

Agora com uma situação totalmente diferente da encontrada em 2010, quando iniciou a sua segunda passagem pelo clube, Scolari projeta sucesso com o manto palmeirense. “Na última oportunidade em que estive aqui, a equipe era itinerante, jogávamos em diversos estádios. Hoje temos um estádio maravilhoso, temos uma estrutura que possivelmente posso te dizer que vivi uma igual somente em Londres, com o Chelsea. É muito bom tudo o que o Palmeiras possui para dar aos jogadores e treinador”, disse. “Temos uma grande equipe e uma estrutura que nos dá condição de brigar em iguais condições com as grandes equipes do Brasil”, emendou.

Sobre a sua importância para o atual momento do Palmeiras, Felipão foi conciso. “O Palmeiras precisa de mim como técnico, por isso fui contratado. Tenho de trabalhar dentro e fora de campo, fazer essa equipe ser totalmente competitiva em todos os momentos. Não posso falar sobre o que já passou porque não vivi isso. Eu tenho de conhecer esses atletas e depois saberei como trabalharei”, finalizou.

Somando as duas passagens pelo Verdão (1997 a 2000 e 2010 a 2012), o técnico Luiz Felipe Scolari soma 408 jogos no comando da equipe, com 192 vitórias, 111 empates e 105 derrotas. Ao todo, Felipão ganhou cinco troféus pelo Alviverde: Copa do Brasil de 1998 e de 2012, Copa Mercosul de 1998, Copa Libertadores de 1999 e Torneio Rio-São Paulo em 2000.
Share on Google Plus

About Vinicius Santos

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário