-

Em treino, Dudu conversa com Galiotte, Mattos e Cuca, que nega transferência


O treino do Palmeiras nesta sexta-feira, na Academia de Futebol, foi marcado por longas conversas. O presidente Mauricio Galiotte e o diretor Alexandre Mattos, que acompanharam de perto as atividade, foram os pivôs desses diálogos. A que mais chamou atenção foi a que envolveu Dudu.

Em uma primeira parte, dialogaram Galiotte, Mattos e o camisa 7 do Verdão. Depois, Dudu voltou ao campo e conversou particularmente com o técnico Cuca, por um longo tempo.

Questionado sobre o teor dessa conversa, e se ela estaria ligada a uma possível transferência do atacante, Cuca afirmou que até dezembro ninguém fala sobre isso.

– No último jogo em casa (4 a 2 sobre o Vitória, domingo passado), o Dudu foi responsável direto por dois gols. Contra o Flamengo, puxou o jogo para ele. Não tem queda de desempenho. Ele está rendendo bem – completou o treinador.

No começo do treino, outro jogador que conversou por um longo tempo com Cuca foi o lateral Egídio. Criticado pela torcida após o contra-ataque desperdiçado na partida contra o Cruzeiro, minutos antes de o time mineiro empatar o jogo, eliminando o Palmeiras da Copa do Brasil, o lateral foi mantido no time titular pelo técnico.

– Falei com o Egídio. Tá todo mundo p*** com ele, e eu também. Ele foi trocar camisa no fim do jogo, mas é a boa índole. Ele está sentido. Não é maldade. Ele foi irresponsável naquela bola, mas ele foi mal no jogo? Vamos tirar o Egídio porque está todo mundo bravo com ele? Vai jogar, e vai jogar bem. Mas eu preciso do torcedor, que incentive ele. Se jogar mal, vaia ele, me xinga.
Share on Google Plus

About Vinicius Santos

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário