-

Zé Roberto pode se tornar o segundo jogador mais velho a atuar na Libertadores


A partida contra o Tucumán, nesta quarta-feira, às 21h45, na arena, deve ser histórica para um jogador. Com 42 anos, 10 meses e 18 dias, Zé Roberto pode ultrapassar o goleiro colombiano Mondragón e se tornar o segundo atleta mais velho a disputar uma partida da Taça Libertadores.

Em 2014, Mondragón defendia o Deportivo Cali, da Colômbia, quando fez sua última partida, com 42 anos, nove meses e 19 dias. Zé Roberto deve quebrar a marca, já que tem grandes chances de ser escalado como titular pelo técnico Cuca.

O jogador mais velho a ter atuado na competição sul-americana é o peruano Vicente Villanueva, atacante do Sporting Cristal, do Peru, que entrou em campo com 43 anos e 10 meses. Zé Roberto só conseguiria ultrapassar o peruano no ano que vem. Ele completa 43 anos apenas no dia 6 de julho.

Zé Roberto já é o jogador brasileiro mais velho a jogar a Libertadores. Ele conseguiu esse feito ao atuar diante do Peñarol, no dia 12 de abril, em casa, deixando para trás o ex-goleiro Rogério Ceni. O polivalente jogador é o quarto com mais aparições com a camisa do Verdão no atual elenco, com 115 jogos. Ele fica atrás apenas de Prass (221), Dudu (131) e Vitor Hugo (131).
Share on Google Plus

About Vinicius Santos

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário