-

V. Hugo ignora tabu e fala em "sentar a madeira" em Calleri


Autor de um dos gols da vitória do Palmeiras por 2 a 0 sobre o Fluminense na última quarta-feira, o zagueiro Vitor Hugo voltou a mostrar bom humor ao comentar o clássico do próximo domingo, contra o São Paulo. 

Questionado sobre um possível duelo particular com Calleri, atacante do rival, o camisa 4 disse ter a fórmula perfeita para deter o estilo provocativo do argentino: “sentar a madeira”. 

Um dos maiores destaques do Tricolor nesta temporada, Calleri ainda é dúvida para o Choque-Rei de domingo, às 16h (horário de Brasília), no Morumbi. Se entrar em campo, já sabe que terá dificuldades com o xerife alviverde. 

– Ele entrou no jogo que a gente fez no Paulista, já deu para sentir um pouquinho de como ele joga. Mas esse negócio de contato também é nossa praia, né? A gente chega junto também, não tem problema, não. É só chegar lá e sentar a madeira (risos). Estou brincando... Vamos marcar da melhor maneira possível – afirmou Vitor Hugo, em entrevista coletiva na Academia de Futebol.

O último encontro entre Palmeiras e São Paulo foi no dia 13 de março, pela primeira fase do Paulista. Na oportunidade, o Verdão venceu por 2 a 0, no Pacaembu – com mando do Tricolor, que à época não contava com o Morumbi por conta de uma reforma no gramado. 

Na casa são-paulina, a história é diferente. O Palmeiras não vence o rival atuando no Morumbi há 14 anos: o último triunfo foi em 2002, em partida que ficou marcada por um golaço anotado pelo ex-meio-campista Alex. Seguro, Vitor Hugo garante que a estatística não faz diferença para o Verdão. 

– Isso não entra em campo, não, cara. Tabu foi feito para ser quebrado. Se Deus quiser vai ser nesse. Se não for nesse vai ser no próximo. A gente está em uma crescente muito grande contra eles – resumiu.

O Palmeiras faz seu último treino aberto à imprensa antes do clássico na tarde desta sexta-feira, na Academia de Futebol.



Fonte: Globo Esporte
Share on Google Plus

About Vinicius Santos

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário