-

Cuca diz que Cleiton e Egídio não devem jogar e pode perder mais três


O técnico Cuca declarou nesta sexta-feira que o lateral-esquerdo Egídio e o meia Cleiton Xavier, que deixaram a partida contra o Fluminense ainda no intervalo e são dúvidas para o Choque-Rei de domingo, dificilmente conseguirão jogar. Ele ainda revelou que os volantes Matheus Sales e Arouca e o atacante Cristaldo também têm problemas físicos e podem não estar disponíveis para o duelo no Morumbi, pela quarta rodada do Brasileirão. 

- O caso do Cleiton é mais complicado que o do Egídio. Dificilmente vai jogar. Acredito que nenhum dos dois vai jogar. Não adianta mentir. Eles podem jogar, mas é uma questão muito difícil - disse o técnico.

- A gente teve alguns problemas em cima do último jogo que ainda não foram solucionados. Perdemos Matheus Sales, Cleiton Xavier, Egídio, Arouca, Cristaldo... Não treinaram hoje. Cristaldo, Arouca e Matheus têm problema no joelho, Cleiton teve dor no adutor e o Egídio está com a coxa inchada. Se fosse hoje, não jogariam nenhum desses. Mas no futebol 24 horas são muita coisa e vou esperar até o último momento. Procuro treinar a equipe toda da mesma forma, para quando precisar sair um e entrar o outro manter o mesmo nível. Se eles não jogarem, tenho confiança em quem for jogar - disse.

Cleiton Xavier, maior foco de preocupação da comissão técnica devido ao histórico recente, não teve lesão diagnosticada, mas deve ser preservado devido ao desgaste acumulado por três partidas consecutivas como titular. Egídio levou uma pancada de Gum e ficou com a coxa direita inchada, roxa e dolorida. O jogador pretende treinar no sábado pela manhã se não estiver com dores para se colocar em condições de atuar. 

Além dos dois, Matheus Sales vinha sendo titular. Ele pode ser substituído por Thiago Santos ou Moisés. Este último também briga pela vaga de Cleiton Xavier, mas a tendência é que Alecsandro o substitua e Dudu fique responsável pela armação. Para a vaga de Egídio, o favorito é Fabrício, já que Cuca avisou nesta sexta que não colocará Tchê Tchê improvisado na lateral-esquerda, como fez no segundo tempo contra o Flu:

- Não acho que seja o ideal. Não posso começar o jogo com Tchê Tchê na lateral esquerda. Tenho Zé Roberto e Fabrício. Até explico para os jogadores. Naquele jogo, foi pensado por nós que não podíamos perder uma substituição naquele momento. Se eu trocasse o seis pelo meia dúzia, não era o que a gente queria. São atitudes do treinador para chamar a responsabilidade do jogo. A gente tem confiança nos jogadores, por isso a gente fez aquela mudança e acho que foi fundamental, mas não vou começar assim, não - disse.

O provável Palmeiras, então, é Fernando Prass, Jean, Thiago Martins, Vitor Hugo e Fabrício (Egídio); Thiago Santos (Matheus Sales) e Tchê Tchê; Róger Guedes, Dudu e Gabriel Jesus; Alecsandro (Cleiton Xavier).



Fonte: Lance!Net
Share on Google Plus

About Vinicius Santos

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário