-

Cuca diz que Verdão vai se reerguer sendo guerreiro: 'Pode me cobrar'


Praticamente todos os jogadores do Palmeiras deixaram o Pacaembu alertando para a falta de confiança da equipe, que acumula três derrotas seguidas. O técnico Cuca faz análise parecida e diz que a solução é "ser macho".

- Vamos recuperar sendo guerreiro, sendo macho. Jogar no Palmeiras é bom, todo mundo quer, mas tem que ser "colhudo" para jogar no Palmeiras. Tem que ter sangue, alma. Se a torcida vê isso, ela vai apoiar. O torcedor tem toda a razão de estar "P" da vida, eu também estaria, mas espera. Mais na frente vai vir um Palmeiras que vai brigar por título. Pode ser nessas competições (Paulista e Libertadores), mas me cobra na sequência do campeonato (Brasileiro) - disse o treinador.

Cuca falou mais de uma vez após a derrota por 2 a 1 para o Red Bull que os torcedores podem cobrá-lo por um time brigando por títulos ainda nesta temporada.

- É ruim perder, você vê quanta gente tinha no estádio, mas posso falar: esse mesmo torcedor que ficou triste pode me cobrar se o Palmeiras não for um time que vai brigar por título. A gente pode ser campeão paulista? Pode. Pode buscar a Libertadores? Pode. Mas em um campeonato a longo prazo, que premia a regularidade, prometo ao torcedor que vamos lutar para ser campeões.

O comandante disse no fim de semana que analisaria o elenco e pediria reforços se achasse necessário. Essa análise passa pelo jogo-treino que os reservas farão na manhã desta sexta-feira, contra o Nacional-SP, na Academia.

- Tem que ter equilíbrio, principalmente de quem dirige, que somos nós. Se vier aqui e fizer terra arrasada, as coisas boas que você tem, não vai ter mais. Lá dentro é outro tipo de cobrança. Ainda não tenho conhecimento geral, sexta faço jogo treino contra o Nacional, quero ver se dentro do elenco a gente descobre alguma coisa. Quando tiver uma ideia fixa, vou conversar com Alexandre, Cícero e presidente e a gente vê o que é melhor. Hoje vamos passar confiança para quem está aqui - finalizou.



Fonte: Lancenet!
Share on Google Plus

About Vinicius Santos

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário