-

Ansioso para jogar, Gabriel comemora retorno ao banco


A espera foi longa. Exatamente 216 dias depois, o volante Gabriel estava novamente pronto para "fazer o que mais ama", segundo palavras do próprio jogador, na chegada da delegação do Palmeiras ao estádio para a partida contra o Capivariano, válida pela oitava rodada do Campeonato Paulista.

Antes do pontapé inicial, o volante de 23 anos foi o atleta mais festejado pelos torcedores no momento em que o nome dele apareceu no telão como um dos integrantes do banco de reserva alviverde.

Muito aplaudido pelos palmeirenses, Gabriel participou do aquecimento, ouviu pedidos da arquibancada para entrar na segunda etapa, mas não foi um dos três escolhidos por Marcelo Oliveira para terminar o duelo, vencido pelo Verdão por 4 a 1. 

Ansioso para voltar ao time, o volante comemorou e agradeceu a confiança de todos durante o longo período de recuperação.

– Não entrei, mas estou muito feliz de ter voltado. Agradeço a Deus por isso, todos que me apoiaram, agora o próximo passo é buscar meu espaço. Sei que sou um cara importante, vou lutar para isso. Lógico que eu estava com a expectativa de entrar, mas não aconteceu. É seguir trabalhando, foi o primeiro jogo em que eu fui relacionado. O objetivo era esse, para depois pensar em entrar e ajudar os companheiros. Agora é manter a tranquilidade porque a ansiedade não pode atrapalhar – disse o jogador, na saída da arena.

A última partida de Gabriel foi no dia 2 de agosto do ano passado. Na ocasião, o Verdão foi derrotado na arena pelo Atlético-PR, na 16ª rodada do Campeonato Brasileiro. Mas a pior notícia veio antes mesmo do fim da partida. Aos 33 minutos, o volante sentiu dores no joelho esquerdo e deu lugar a Andrei Girotto. Dias depois, ele foi operado para corrigir uma lesão no ligamento cruzado anterior que o tirou de combate por sete meses.

Quando estiver de volta totalmente ao time, Gabriel vai encontrar uma realidade completamente diferente no elenco palmeirense. Se em 2015 o Verdão sofreu com a irregularidade e com as poucas opções para o meio de campo, Marcelo Oliveira conta atualmente com outros cinco volantes: Thiago Santos, Jean, Arouca, Matheus Sales e Rodrigo.

– Vou ter de voltar ainda melhor para jogar. O Palmeiras tem muito a ganhar. Estamos felizes com o nível que a equipe está, acredito que vou voltar muito bem e para fazer o que eu sempre fiz – declarou Gabriel..




Fonte: Globoesporte.com
Share on Google Plus

About Vinicius Santos

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário