-

Nobre se diz otimista por permanência de Rafael Marques


Manter o atacante Rafael Marques é um dos objetivos do Palmeiras para a próxima temporada. Paulo Nobre, presidente do clube, confia na possibilidade de chegar a um acordo com o chinês Henan Jianye para permanecer com o experiente jogador em 2016.

Vice-artilheiro do Palmeiras na temporada com 15 gols marcados, Rafael Marques foi emprestado ao Palmeiras pelo Henan Jianye até o fim do ano. Para seguir com o atleta, o Palmeiras precisaria desembolsar US$ 1,5 milhão (R$ 5,8 milhões).

Diante do câmbio atual, o clube brasileiro considera o valor alto e negocia com os chineses na tentativa de diminuí-lo para viabilizar a permanência de Rafael Marques. Animado pela vaga na Copa Libertadores, o atacante já manifestou o desejo de permanecer.

“Gostaria muito que ele ficasse. Na verdade, agora a bola agora está com os chineses. Dentro das possibilidades e da responsabilidade financeira que pauta nossa administração, fizemos uma proposta interessante. Estou sempre otimista. Os dados estão lançados, vamos ver o que acontece”, disse Paulo Nobre ao Bandsports.

Além de tentar manter Rafael Marques, o Palmeiras trabalha para contratar reforços. Um dos jogadores no alvo do clube é o versátil Jean, do Fluminense, que joga tanto de volante como de lateral direito. Questionado sobre a iminente chegada do atleta, Paulo Nobre desconversou.

“Tenho como filosofia não comentar contratações que estejam em curso ou que nunca passaram pela cabeça do Palmeiras. A única contratação que comento é aquela que já está concretizada e com contrato assinado”, afirmou o dirigente, adotando seu discurso padrão.

Desde o final da Copa do Brasil, os argentinos Cristaldo, Mouche e Allione têm sido envolvidos em especulações. Admirador do técnico argentino Ricardo Gareca, responsável por indicar os três, Paulo Nobre diz não ter recebido ofertas oficiais até o momento.

“As propostas precisam aparecer. A boataria fica para o nosso lado: vai vir proposta por esse, por aquele. Não há jogador inegociável, mas a proposta precisa ser boa para o atleta e para o clube”, declarou o mandatário, exigente ao comentar a temporada 2015.

“Por mais feliz que todo palmeirense esteja, temos que avaliar o todo. Posso concluir o seguinte: fomos campeões da Copa do Brasil, mas não poderíamos ter ficado em nono lugar no Brasileiro. Fizemos um elenco para ir bem em todos os campeonatos”, declarou Nobre.



Fonte: Gazeta Esportiva
Share on Google Plus

About Vinicius Santos

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário