-

Destaque na final, atleta da base quase deixou o Verdão


Um jovem de 20 anos atua como titular em uma final para disputar o sexto jogo como profissional. Na decisão, o jogador dá conta do recado e torna-se uma das grandes promessas para a temporada seguinte. O roteiro teve o volante Matheus Sales como protagonista, virou realidade nesta quarta-feira, mas por pouco não aconteceu.

Isso porque o atleta revelado nas categorias de base do Palmeiras quase deixou o clube no ano passado. O destino seria o Internacional, que fez uma sondagem pelo jogador. O clube estaria disposto a pagar luvas e um salário maior ao volante.

Apesar disso, Matheus optou pela renovação de contrato com o Palmeiras (o vínculo se encerraria em dezembro de 2014). Segundo o irmão do jogador, Thiago Sales, a postura da diretoria alviverde - representada por Erasmo Damiani, ex-coordenador da base do Palmeiras, e André Sica, advogado do clube - também foi importante para a permanência.

"A gente se reuniu e a diretoria disse que tinha um projeto para ele. Pediu para ele ter paciência. E ele achou melhor ficar. Ele renovou, o Palmeiras acreditou nele. E este ano deu resultado", afirmou.

De acordo com Thiago, Matheus sempre pensou em ficar no clube. A ideia era receber uma oportunidade para saber como seria a reação em campo. Na base, o volante, que está no clube alviverde desde os 14 anos, era o capitão do time. O novo contrato de Matheus se encerra em dezembro de 2018. 

"O Palmeiras faz parte da minha vida. Estou conquistando muitas coisas agora e devo muito ao clube. Pretendo ajudar com mais títulos", afirmou o jogador.



 Fonte: UOL Esportes
Share on Google Plus

About Vinicius Santos

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário