-

Verdão repete programação, e Robinho cobra rápida recuperação


O período sem jogos no Campeonato Brasileiro em virtude das rodadas das eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018 é comemorado pelo Palmeiras. Depois da derrota para o Vasco, neste domingo, o elenco ganhou dois dias de folga e só volta aos trabalhos na Academia de Futebol na tarde da próxima quarta-feira.
Em crise na competição nacional, os alviverdes cobram atenção total nas finais da Copa do Brasil contra o Santos, que serão disputadas nos dias 25 de novembro e 2 de dezembro. Mas, para Robinho, muita coisa precisa ser melhorada no dia a dia da Academia de Futebol nesse período.

– Eu já tinha falado uma vez e, depois dessa partida (contra o Vasco), volto a falar. É maravilhoso esse período (sem jogos). Para podermos ajustar, não treinamentos, mas ajustar personalidade, confiança, vontade, respeito... Para voltar o futebol. É isso que tem de ter – disse o meia.

A programação já foi adotada pela comissão técnica alviverde nesta temporada em outras oportunidades. Na semana passada, por exemplo, o clube resolveu dar dois dias de descanso aos atletas, depois da derrota para o Santos, na Vila Belmiro. Durante a semana, Marcelo Oliveira ressaltou a importância de liberar os jogadores do ambiente de trabalho por alguns dias.

Dois titulares da equipe de Marcelo Oliveira serão desfalques na semana. Convocado pela seleção paraguaia, Lucas Barrios, que deixou o segundo tempo da partida contra o Vasco machucado, vai participar das partidas contra Peru e Bolívia, pelas eliminatórias. Ele ainda passará por exames nesta segunda-feira. Gabriel Jesus foi chamado para dois amistosos com a seleção olímpica – o Brasil enfrenta os Estados Unidos no dia 11, em Recife, e no dia 15, em Belém.

A derrota para o Vasco no último domingo mexeu com os palmeirense. Depois da partida, uma reunião ainda na arena com portas fechadas iniciou uma cobrança interna para uma rápida recuperação. Robinho destaca a necessidade de melhorar a produção para duelar com o Santos no fim do mês pelo título da Copa do Brasil.

– Temos consciência que com esse futebol que estamos jogando vai ser extremamente difícil ser campeão. O Santos está jogando muito. Precisamos aumentar o nosso nível de atuação, técnico e tático. Ainda estamos conseguindo correr, pelo menos. Mas tecnicamente estamos muito abaixo. Temos de melhorar – afirmou.

Fonte: Globoesporte.com
Share on Google Plus

About Vinicius Santos

    Blogger Comment
    Facebook Comment

1 comentários:

  1. É só ele aprender a chutar bola, não acerta um passe e ainda fica reclamando dos outros.

    ResponderExcluir