-

Marcelo Oliveira aponta desgaste e espera Palmeiras 'mais regular'


Com a semana de treinos do Palmeiras reduzida, o técnico Marcelo Oliveira defendeu as folgas de segunda e terça-feira como necessárias para a melhorar o foco da equipe. As atenções do time paulista seguem divididas entre a decisão da Copa do Brasil e a reta final do Campeonato Brasileiro, no qual o clube ainda briga por uma vaga no G4. Antes do treino da última sexta-feira, o comandante alviverde explicou que buscava evitar o desgaste dos atletas.

“Nesse período tivemos 17 partidas que foram de quarta, domingo, quarta, domingo... Isso passa despercebido, mas são muitos jogos num tempo curto. A gente usou esse período de dois dias para tirar o jogador do ambiente de trabalho, para evitar situações como repetir jogadas. A folga veio em bom momento, principalmente para o Palmeiras que tem sido inconstante em suas atuações”, justificou.

“A mente do técnico tem que trabalhar sempre. Quando acaba o jogo não temos tempo de comemorar tanto, temos que já pensar no próximo. A gente está tentando sempre pensar no Brasileiro, porque temos essa possibilidade de buscar a vaga. A questão do Santos fica mais para frente”, continuou.

Embora tenha dito que a prioridade do clube é o Brasileiro, o treinador se preocupa com a primeira partida da final da Copa do Brasil, diante do Santos, marcada para o dia 25 deste mês. Utilizando o confronto da última rodada do Brasileirão, no qual o Peixe derrotou o Palmeiras por 2 a 1, Marcelo Oliveira espera ter tempo para reorganizar a sua equipe.

“No último jogo que tivemos o Santos jogou muito bem. Eles vêm jogando muito bem, têm algumas peças que vem se destacando... E ganharam porque, além do gol, tivemos quatro chances claras de fazer gols no Santos, só que nossa produção não foi constante. O que espero é um time mais regular depois dos treinamentos que fizemos. Precisamos de um time mais equilibrado em campo, mas mantendo sua pressão dentro de casa para fazer os gols”, finalizou o treinador.
Share on Google Plus

About Vinicius Santos

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário