-

Barrios pede que equipe esqueça erro de arbitragem da primeira final


O atacante Lucas Barrios, envolvido em um dos lances mais polêmicos da primeira final entre Palmeiras e Santos, pela Copa do Brasil, disse nesta segunda-feira, que a arbitragem da partida já foi esquecida pelo elenco alviverde.

Segundo o jogador, o grupo palmeirense não está mais preocupado com a suposta falta cometida sobre ele, não marcada pelo árbitro Luiz Flavio de Oliveira.

"Há momentos difíceis. Jogar uma final é difícil. Os árbitros têm de entender isso. Não pensamos mais nisso. Acabou. Temos de pensar no jogo de quarta, que é muito importante para nós", declarou Barrios em entrevista coletiva na Academia de Futebol.

O segundo jogo da final entre os clubes paulistas acontecerá nesta quarta-feira, no Allianz Parque. Apesar de não querer focar no tema arbitragem, o atacante salientou que o título iria apagar a tristeza das pessoas após a derrota por 1 a 0 sofrida na Vila Belmiro.

"Seria lindo vencer depois de tudo o que passamos. Um pênalti claro, as pessoas ficam tristes (com o resultado)", avaliou Barrios.

Como Marcelo Oliveira fechou os últimos treinos antes da final, a expectativa é que o atacante seja mantido na equipe titular que iniciou o confronto na última quarta-feira. Com a experiência de quem já disputou diversos jogos decisivos, o atacante falou sobre a rivalidade que cerca as duas equipes.

"As coisas do campo ficam no campo. Falam muito mais do que podem falar. Houve muito enfrentamento no último jogo. E nós saímos prejudicados. O Palmeiras tem de se preocupar com ele mesmo. Se está bem, pode ganhar de qualquer equipe", concluiu o atacante. 

Barrios ainda ressaltou a força do time nas outras fases da Copa do Brasil. "Temos possibilidade de sermos campeões. Como fizemos contra Fluminense, Internacional e Cruzeiro, podemos fazer também contra o Santos", disse.



Fonte: UOL
Share on Google Plus

About Vinicius Santos

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário