-

Fernando Prass sugere 'displicência' do árbitro em lance de pênalti


Mesmo com a vitória por 3 a 2 sobre o Grêmio, na noite deste sábado, os jogadores do Palmeiras não deixaram de criticar a arbitragem, por conta do pênalti marcado já no fim da partida, em lance de bola na mão envolvendo Amaral.

Fernando Prass foi o mais categórico e sugeriu que a penalidade só foi marcada por conta do placar do jogo.

- Eu vi por trás. O Amaral estava com o cotovelo colado no corpo. A bola bateu na grama e então deslizou e bateu no braço dele. Mas ele não abriu os braços, não aumentou a área de contato. Foi um toque totalmente ocasional. De repente, por causa do placar, estava 3 a 1, o juiz achou que foi pênalti e resolveu marcar - declarou o goleiro palmeirense na saída do gramado.

Outro que também duvidou do lance foi Vitor Hugo:

- No segundo tempo teve um pênalti duvidoso. Ao meu ver a bola é que bateu no braço dele e não ele que bateu na bola. Mas tá bom, foi um bom resultado.

Já o técnico Marcelo Oliveira preferiu não opinar enquanto não tiver a oportunidade de rever o momento em que a bola bate em Amaral.

- O segundo gol, o pênalti, não dá para saber. Vamos pegar para ver depois o lance com calma e aí podemos comentar - falou o técnico do Verdão já na coletiva de imprensa.

Apesar disso, o clima é de satisfação por parte dos jogadores. A equipe briga diretamente por uma vaga na Libertadores e depende dos resultados de Flamengo, que enfrenta o Atlético-MG no Independência, e São Paulo, que visita o Avaí na Ressacada, para se manter no G4. O próximo confronto é justamente o clássico com o Tricolor Paulista, às 16h de domingo, no Morumbi.

Fonte: LanceNet!
Share on Google Plus

About Vinicius Santos

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário