-

Elogiado pelo técnico, Jackson vibra com possível sequência no Verdão



Elogiado pelo técnico Marcelo Oliveira após a vitória sobre o Figueirense, o zagueiro Jackson se colocou à frente na briga para ser o companheiro de Vitor Hugo no setor da equipe do Palmeiras. Com o camisa 31 suspenso, o beque deve ser mantido entre os titulares contra o Fluminense, na próxima quarta-feira, às 19h30, no Maracanã, pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro.
 

- Em time grande não adianta você jogar um jogo bem e no outro ir mal. Tem que ir bem sempre. Eu sei bem disso e espero ir bem novamente nos próximos jogos para ajudar o Palmeiras. Estou trabalhando muito forte, com muita seriedade e o resultado disso vai aparecer dentro de campo.
 

Na zaga as opções que temos são grandes jogadores e têm condições de jogar também. Ter ritmo de jogo ajuda bastante na confiança e espero me manter no time - disse o zagueiro.
 

Além de marcar um dos gols da vitória por 2 a 0, Jackson foi fundamental para evitar que a defesa palmeirense fosse furada, algo inédito há 12 rodadas. Atuação "firme" que rendeu elogios do técnico. Feliz com o momento, o jogador que manter os pés no chão para conseguir se firmar de fato entre os titulares da equipe nos próximos jogos.
 

- No primeiro turno eu vinha de boa sequência e no jogo com o Figueirense lá em Florianópolis acabei me machucando. Era meu melhor momento e a lesão me impediu de ter continuidade. Um turno depois, espero que essa partida contra o Figueirense tenha sido a primeira de uma boa sequência porque teremos jogos importantes pela frente - analisou.
 

Focado para conseguir ajudar o Verdão a finalmente chegar ao G4 e se fixar entre os primeiros do Brasileirão, Jackson tem uma base sólida em casa, que o ajuda a manter o bom rendimento dentro de campo. No próximo jogo, sabe que terá pela frente o artilheiro Fred e prevê dificuldades.
 

- A família é a base de tudo. Moro com a minha esposa, meus filhos e meus pais também estão aqui comigo. Eles estão sempre ao meu lado e sabem que não fico satisfeito quando a gente toma gol ou não vence uma partida.
 

Eu sei da minha qualidade e quero sempre jogar o meu melhor. Eles têm um ataque muito forte, com jogadores de qualidade. Não sei ainda se o Fred e o Ronaldinho vão estar em campo, mas temos de ter atenção com todos. E o principal é a gente impor nosso jogo - finalizou.




Fonte: Lancenet!
Share on Google Plus

About Unknown

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário