-

Marcelo Oliveira evita euforia, mas põe Verdão na briga: "Tem chance"


Quando chegou ao Palmeiras, Marcelo Oliveira tinha a difícil tarefa de acabar com a irregularidade que tanto atormentava a equipe no início do Campeonato Brasileiro. Hoje, 41 dias depois da sua estreia, o treinador já responde sobre as chances de o Verdão disputar o título. A evolução do time na temporada o anima.

Depois de estrear com derrota no clube, ao perder para o Grêmio, em Porto Alegre (RS), no dia 20 de junho, Marcelo Oliveira conseguiu engatar uma sequência muito positiva. De lá para cá foram mais oito jogos, com sete vitórias e um empate, totalizando um aproveitamento de 81,4% dos pontos disputados.

– As perspectivas são boas. Quando cheguei, entendi que a qualidade do grupo era equilibrada e que precisávamos formar um time. No último jogo, fiquei muito mais satisfeito com o equilíbrio. Roubamos bola, finalizamos, viramos o jogo... É um processo de crescimento. A base do Oswaldo foi importante e estamos caminhando para montar o time da forma que eu gosto, criando muito e recompondo rápido – diz o treinador.

Atual bicampeão brasileiro, Marcelo Oliveira evita qualquer comparação com o momento vivido pelo Palmeiras com o seu trabalho realizado no Cruzeiro nas últimas duas temporadas. O treinador, porém, vê o Verdão no caminho para brigar pelas primeiras colocações do campeonato.

– Tem chance de conquistar, não é fácil, mas mostramos que podemos evoluir e chegar. A diferença é que lá (no Cruzeiro) eu montei o elenco com a diretoria. Aqui o elenco estava montado, já com boa qualidade. Pegamos o time em andamento, no torneio, e com a necessidade de resultados imediatos. O time está crescendo, aceitando nossas propostas. Sempre passo que marcar é posicionamento e vontade, sem preguiça e vergonha de correr atrás da bola. Quando pegar a bola vamos chegar com qualidade – diz o treinador.

Sem perder há nove oito partidas na temporada, o Palmeiras conseguiu entrar no G-4 do Brasileirão na última rodada. A goleada de 4 a 1 sobre o Vasco, em São Januário, levou o Verdão aos 28 pontos, ocupando a terceira colocação da competição nacional. Empolgada com a boa fase, a torcida esgotou na quinta-feira os ingressos para o duelo deste domingo, contra o Atlético-PR, às 11h, na arena.

Mesmo satisfeito com o desempenho da sua equipe, Marcelo Oliveira pede calma e tenta evitar que a euforia da arquibancada influencie o grupo. 

– É o trabalho da comissão. Temos de sempre mobilizar, fazer do próximo jogo o mais importante. Temos de comemorar a vitória já se preparando e sem se sentir contente e confortável com o que foi feito. 

A euforia fica por conta da torcida, que é natural, mas aqui sabemos as dificuldades e o progresso que precisamos ter para chegar lutando pelo título – afirma o treinador.

Fonte: Ge
Share on Google Plus

About Vinicius Santos

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário