-

Julgamento de Dudu passa para setembro


O Edital de Citação e Intimação do Tribunal pleno do Superior Tribunal de Justiça Desportiva, da CBF, não incluiu o julgamento do atacante Dudu, na sessão desta quinta-feira, dia 27. Assim, o jogador ganhou pelo menos mais 15 dias para continuar jogando antes de ser julgado.
O relator do processo, Miguel Angelo Cançado, esperava que o processo fosse a plenário ainda nesta semana. “Está tudo pronto e analisado. Vamos esperar”, disse ao Blog do Boleiro. A próxima data do Pleno é 10 de setembro.

Até lá, Dudu estará jogando sob efeito suspensivo. Vai completar 51 dias até que o recurso obtido pelo Palmeiras no STJD seja analisado.
HISTÓRICO


No dia 18 de maio, o Tribunal de Justiça Desportiva da FPF condenou Dudu por agressão ao juiz Guilherme Ceretta de Lima durante a disputa do clássico entre Santos e Palmeiras, segunda partida da decisão do Campeonato Paulista deste ano, disputada na Vila Belmiro.

A pena: suspensão de 180 dias mais o primeiro jogo do Estadual de 2016.

O Palmeiras recorreu. Os advogados conseguiram um efeito suspensivo depois de Dudu ficar parada por 15 dias. Ele continuou jogando até 20 de julho quando, em segunda instância, o atleta voltou a ser julgado. O TJD da FPF manteve a pena do primeiro julgamento.

Dois dias depois (22 de julho), o Departamento Jurídico do alviverde entrou com recurso, desta vez no STJD da CBF, e pediu a concessão de novo efeito suspensivo. Deu certo.

Dudu foi condenado por agressão. O Palmeiras quer mudar o enquadramento para outro artigo que fala de “ato hostil''. Assim, a punição poderá cair de 180 para 90 dias de suspensão. Para isso, Dudu poderia ser obrigado a prestar serviços comunitários.

O Pleno do STJD terá nove auditores, entre eles representantes da CBF, clube, OAB e sindicato dos árbitros. São eles que vão julgar Dudu.

Fonte: Blog do Boleiro
Share on Google Plus

About Vinicius Santos

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário