-

Em um mês com Marcelo, Leandro Pereira iguala cinco meses com Oswaldo


Barrios foi o grande personagem do Palmeiras na semana que antecedeu o jogo contra o Santos. Assinou contrato, começou a treinar, foi apresentado como presente dos patrocinadores e gerou grande expectativa na torcida. Mas quem decidiu quando a bola rolou foi Leandro Pereira, autor do gol da vitória e artilheiro da "era Marcelo Oliveira". O paraguaio terá de esperar para virar titular. Com o novo técnico, em apenas um mês, ele igualou o desempenho de cinco com Oswaldo de Oliveira.

- A briga está esquentando, o bicho está pegando. Mesmo quem está jogando olha para o banco sabendo que tem grandes jogadores esperando o momento, assim como eu esperei. Quem está jogando tem de dar um algo a mais porque, se bobear, a gente vai para o banco - disse o camisa 17, que teve o nome entoado pela torcida ao ser substituído justamente por Lucas Barrios no domingo.

Diante da expectativa pela estreia do novo camisa 10, Marcelo Oliveira avisou na semana passada que manteria Leandro Pereira no time por questão de coerência. E realmente não faria sentido sacá-lo neste momento: o atacante foi titular em seis jogos com o novo comandante e marcou quatro gols, sendo um contra o São Paulo (4 a 0), dois contra o Sport (2 a 2) e mais um no Santos (1 a 0).

Nenhum outro jogador do elenco balançou tanto as redes sob o comando de Marcelo Oliveira, cuja chegada serviu para "despertar" o centroavante: Leandro também fez quatro gols com Oswaldo de Oliveira, mas em 20 partidas, sendo 12 como titular e oito saindo do banco.

Ele perdeu a vaga para Alecsandro logo na estreia do comandante, contra o Grêmio, mas não saiu mais do time após o concorrente sofrer lesão na coxa esquerda. Para apimentar ainda mais a disputa, Cristaldo passou a fazer gols quase toda vez em que é acionado: nos últimos cinco jogos em que entrou no segundo tempo, colocou quatro bolas na rede (três sob o comando de Marcelo, o que o coloca na condição de vice-artilheiro desta "nova era" do Verdão).

Após dois dias de folga, o elenco inicia nesta quarta-feira a preparação para pegar o Vasco, domingo. O período deve deixar Barrios mais próximo da condição física ideal, mas ele deve ser reserva novamente em São Januário. Afinal, como tirar Leandro?

Fonte: LanceNet!
Share on Google Plus

About Unknown

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário